Compre Certo traça estratégias para se consolidar em outros estados

 

O extenso território mineiro e sua população de mais de 20 milhões de pessoas são altamente atrativos para qualquer mercado. No ranking nacional, o estado é o terceiro em número de faturamento, segundo dados da Associação Brasileira do Franchising (ABF). E foi apostando nesse cenário que, em 2010, os empresários Rosângela Borges Castejon e Reginaldo Teixeira Nascimento, abriram a rede de drogarias Compre Certo.

Os sócios, que já atuavam no segmento farmacêutico, visualizaram uma oportunidade. Os pequenos empreendedores e farmácias independentes da região de Uberaba e Uberlândia tinham dificuldades em manter suas atividades face ao grande conglomerado das grandes redes.

“Vimos a oportunidade de unir todos esses empreendimentos independentes em uma única rede. Eles ganhariam mais força de venda, poder de negociação com a indústria farmacêutica, padronização, além de ter apoio na gestão. Foi daí que nasceu a Compre Certo”, explica Nascimento. O modelo de negócios, que virou franquia em 2012, fez tanto sucesso no mercado mineiro que, em apenas sete anos já conta com 150 lojas em seis estados: São Paulo, Alagoas, Goiás, Mato Grosso, Pernambuco e, claro, Minas Gerais.

Desde que tudo começou, os números só crescem na Rede Compre Certo. Em 2016, por exemplo, o faturamento médio da marca foi de, aproximadamente, R$ 140 milhões. O modelo de negócio – um sucesso incontestável em Minas Gerais – está rompendo as fronteiras estaduais e entrando em mercados importantes e competitivos. A rede pretende abrir mais 50 unidades até o final de 2018.

O sucesso da marca deve-se, principalmente, ao atendimento personalizado, preços competitivos e serviços diferenciados, como as linhas próprias Nutrycerto e Cuidar. Há ainda projetos que visam dar maior comodidade e bem-estar ao público, como a Blitz de Saúde, que oferece aos clientes, gratuitamente, medição da pressão arterial, IMC e glicemia; e o Saúde Certa Consultório Farmacêutico, que conta com 25 serviços de saúde a preços acessíveis.

 

RAIO X

Investimento inicial: De R$ 246.000 até R$ 326.000

Taxa de Franquia: R$ 10.000

Capital de Giro: De R$ 80.000 a R$ 120.000

Royalties: 1.6% sobre faturamento líquido

Taxa de Publicidade: 0,65% sobre o faturamento líquido

Área Mínima/Modelo do Negócio: 80mts

Prazo de retorno sobre investimento: 36 meses

Faturamento médio mensal: 150.000,00