Paciente diabético é foco de discussão no SOCESP

Nunca se falou tanto sobre o tratamento de pacientes diabéticos, até porque a prevalência do diabetes tipo 2 tem aumentado muito no Brasil. Informações oficiais revelam que, nos últimos 10 anos, o diabetes cresceu mais de 60 %. Atualmente, quase 8% da população brasileira sofre dessa patologia com forte contribuição da obesidade no agravamento do problema.

Segundo Dr. Hermes Xavier, doutor em Cardiologia pela Faculdade de Medicina da USP – Universidade de São Paulo e fellow da European Society of Cardiology, o mais preocupante é que o diabetes pode desencadear várias complicações decorrentes, em especial, de doenças cardiovasculares. Estima-se que 80% dos que têm a patologia sofram infartos.

Por conta desse quadro, a Torrent do Brasil, laboratório farmacêutico, decidiu focar sua participação no 38º Congresso de Cardiologia da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo – SOCESP, que será realizado nos próximos dias 15, 16 e 17 de junho, na importância de cuidar adequadamente dos pacientes diabéticos e reduzir os riscos de males cardiovasculares no grupo.

Assim, a Torrent vai reunir, em seu estande, renomados especialistas para aulas/palestras dirigidas aos médicos congressistas sob o tema “Otimizando condutas para reduzir o risco cardiovascular em pacientes diabéticos”.

Segundo Dr. Hermes, o “Encontro com Especialistas” é a oportunidade ideal para os médicos presentes ficarem tête-à-tête com alguns dos maiores experts do país, e discutir com eles o que há de mais atual na área de cardiologia e diabetes. “Muitas vezes esse paciente, que requer muito cuidado, entra no consultório já sofrendo de várias doenças relacionadas ao diabetes, como hipertensão, colesterol alto e insuficiência cardíaca.”

Sobre o diabetes tipo 2 – Importante fator de risco para o acidente vascular cerebral e doenças coronárias, incluindo o infarto agudo do miocárdio, o diabetes é caracterizado pela elevação do açúcar no sangue. Boa parte dos alimentos ingeridos é transformada em açúcar utilizado como fonte de energia pelo organismo.

No diabetes tipo 2, o pâncreas reduz a produção de insulina ou o organismo reduz a capacidade de usá-la de forma correta. É uma doença comum em pessoas acima de 40 anos, obesas, sedentárias ou com histórico familiar. O tratamento é feito com medicamentos específicos, dieta e exercícios físicos.

O Encontro com Especialistas será realizado em dois períodos: pela manhã – das 10 ao meio dia e à tarde – das 13 às 17 horas. Entre os médicos palestrantes, além do Dr. Hermes Xavier, falarão ainda os especialistas Luiz Turatti (doutor em Endocrinologia pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – FMUSP e vice-presidente da Sociedade Brasileira de Diabetes); Mucio Tavares de Oliveira Jr. (diretor da Unidade de Emergência do Instituto do Coração e professor colaborador da Faculdade de Medicina da USP – Universidade de São Paulo); Rui Póvoa (professor da disciplina de Cardiologia da Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP e chefe do setor de Cardiopatia Hipertensiva), Dr. Francisco Fonseca e Dr. Barra Couri.

Com informação da assessoria de imprensa da Torrent do Brasil



Deixe uma resposta