Paraná libera MIP na área do autosserviço

A Anvisa publicou a resolução RDC 41/12, que permite o autosserviço de medicamentos isentos de prescrição médica em farmácias do Paraná, desde que respeitando alguns cuidados relacionado a fixação de cartazes contendo orientações e outras informações.

Conheça projeto sobre MIP que a Febrafar está desenvolvendo

O estado era um dos poucos no qual ainda era proibido pela vigilância a exposição dos medicamentos isentos de prescrição (MIP) na área do autosserviço. Porém, agora foi liberada essa prática.

Contudo, ao inserir os MIPs nessas áreas as lojas devem colocar nas áreas destinadas aos medicamentos cartazes em locais visíveis, com a seguinte orientação, de forma legível e ostensiva, permitindo a fácil leitura em área de circulação comum: “MEDICAMENTOS PODEM CAUSAR EFEITOS INDESEJADOS. EVITE A AUTOMEDICAÇÃO: INFORME-SE COM O FARMACÊUTICO.

Outro cuidado é que esses medicamentos devem ser dispostos de forma separada dos demais produtos comercializados na área de autosserviço. Já os MIPs de mesmos princípios ativos devem ser expostos em um mesmo local devidamente identificados, de forma visível e ostensiva ao usuário, com informações do princípio ativo, de modo a permitir a fácil identificação dos produtos pelo usuário.

A Febrafar reforça que a importância dos MIPs nas farmácias é inquestionável. Segundo levantamento da IQVIA, esses produtos representam mais de 40% do faturamento do autosserviço farma no Brasil. Contudo, em muitas lojas esses produtos são tratados de forma errada.

Com informações do Governo do Paraná e da Assessoria de Imprensa