Recém-criada, a indústria MIP Brasil Farma disputará mercado de R$ 15 bilhões

Da Redação

Pensar pequeno não faz parte da cartilha de Omilton Visconde Júnior. Tradicional empresário do setor farmacêutico, ele tem um talento nato para transformar seus negócios em grandes fortunas. Assim foi com a Biosintética, laboratório criado por seu pai nos anos 80 e vendido em 2005 para o grupo Aché.

O mesmo aconteceu quando ele criou a Segmenta, uma pequena empresa produtora de soros, que depois foi vendida a peso de ouro para a Eurofarma, e a Prevsaúde, companhia de gestão de benefícios de medicamentos, uma das pioneiras no País, que foi parar nas mãos da Orizon, do grupo Visanet.

Agora, a nova aposta do empresário é a MIP Brasil Farma. A recém-criada farmacêutica está em operação desde a semana passada para atuar no segmento de medicamentos isentos de prescrição, um polpudo mercado que movimentou quase R$ 15 bilhões no ano passado.

Para comandar a companhia, Visconde Jr. chamou Wolney Alonso, executivo com 20 anos de experiência no setor e seu sócio de longa data em alguns de seus empreendimentos, como a Segmenta e a Entregga, consultoria voltada para a área de saúde.

A MIP Brasil Farma começa com um investimento relativamente baixo para os padrões farmacêuticos. São cerca de R$ 20 milhões, o que inclui uma fábrica que deverá ser instalada no interior paulista, na cidade de Ribeirão Preto.
Fonte: Exame.com



Deixe uma resposta